Como chegar aqui:

Mestrado em Ciências Ambientais

Ementas



1.    DOCÊNCIA ORIENTADA
As atividades serão desenvolvidas em disciplinas de graduação preferentemente da Área de Concentração do Mestrando, preparando, planejando e/ou ministrando assunto(s) do conteúdo programático da disciplina de graduação, em conjunto com o professor responsável pela disciplina. A avaliação do pós-graduando é de responsabilidade do orientador e será realizada em conjunto com o professor responsável pela disciplina.

2.    ESTATÍSTICA APLICADA
Estatística descritiva. Probabilidade, amostragem e Estimação. Teste de Hipótese. Levantamentos Amostrais versus Experimentação. Análises de Variância. Delineamentos Experimentais. Regressão e Correlação. Introdução à análise multivariada.

3.    METODOLOGIA DA PESQUISA
 O conhecimento científico, pesquisa, redação científica, projeto de pesquisa, desenho experimental, padrões de redação científica, artigo científico, discussão e peer review de artigo científico.
 
4. SEMINÁRIOS
Organização de apresentação oral de trabalhos científicos, projetos e dissertações. Estruturação da apresentação: introdução, objetivos, hipóteses, revisão bibliográfica, material e métodos, resultados e discussão, resultados esperados, cronogramas e orçamento, conclusões, agradecimentos e apoios. Discussão e avaliação das apresentações. Otimização do tempo e recursos.

5.    FONTES DE ENERGIAS RENOVÁVEIS
Fontes alternativas de energia: energia solar fotovoltaica, energia eólica, Biogás, Biodiesel. Acumulação de energia, células a combustível, conversores estáticos aplicados em fontes alternativas de energia: topologias, técnicas de controle e comando.

6.    GESTÃO TERRITORIAL E RECURSOS HÍDRICOS
Conceitos. Legislação. Enfoque Sistêmico. Unidades de Gestão Territorial. Análise Territorial: Gestão Integrada de Bacias Hidrográficas, Diagnósticos: físico-conservacionista, socioeconômico e ambiental; Reta de Degradação Ambiental, Prognóstico e Plano de Gerenciamento Integrado, Capacidade de Uso e Conflitos de Uso da Terra. Gestão dos Recursos Hídricos: Legislação, Aspectos Conceituais, Arranjos Institucionais, Governança Hídrica, Instrumentos de GRH. Ferramentas e Sistemas de Suporte à Decisão. Estudos de Casos.

7.    TECNOLOGIA APLICADA AO TRATAMENTO DE RESÍDUOS
Geração de resíduos na agricultura e nas indústrias: conceitos, classificação das fontes geradoras e a relação com o meio ambiente. Atividade produtora x geração de resíduos e os impactos ambientais. Legislação específica. Estratégias para minimização da geração de resíduos. Estratégias para a valoração de resíduos. Reciclagem. Métodos de tratamento de resíduos: métodos físicos e químicos. Descrição, estudo e avaliação de cases.
 
8.    TECNOLOGIA APLICADA AO TRATAMENTO DE ÁGUAS E EFLUENTES
Qualidade da água para abastecimento e uso industrial. Processos industriais e a características dos efluentes líquidos. Visão geral dos sistemas de tratamento de águas e efluentes. Escolha, direcionamento das etapas de tratamento, características construtivas e operacionais. Coagulação, floculação, flotação, decantação, filtração e desinfecção. Processos de tratamento biológicos aeróbios e anaeróbios. Remoção de Fósforo de Nitrogênio. Adsorção. Eletrodiálise. Tecnologia de membranas. Processos oxidativos avançados. Remoção de contaminantes específicos. Gerenciamento de lodo.

9.    MODELAGEM E SIMULAÇÃO AMBIENTAL
Ontologias: conceitos, definições, terminologia e categorização. Indicadores e Índices. Conceitos e Métodos de Avaliação. Modelagem: métodos quantitativos e qualitativos, Sistemas Ecológicos e de Engenharia Ambiental. Simulação Dinâmica de Sistemas Ambientais. Sistemas de Apoio à Decisão na Área Ambiental. Modelagem hidrológica. Agregação de Variáveis. Programação.

10.    POLUENTES
Sistemas de fontes de poluição do ar. Fontes fixas e móveis de poluentes. Equipamentos de controle da poluição do ar. Qualidade ambiental da água, ar e solo. Protocolos de amostragens e de análises de poluentes. Poluição do solo. Poluição da água. Normas e Legislação sobre poluentes. Caracterização dos principais gases efeito estufa. Potencial de aquecimento global e incremento da concentração dos principais gases de efeito estufa.

11.    MUDANÇAS CLIMÁTICAS
Introdução às mudanças climáticas globais. Bases físicas e conceitos fundamentais: O Sol e a atmosfera terrestre Elementos e compartimentos; Litosfera e hidrosfera terrestres; Fundamentos de radiação: absorção e espalhamento; Balanço de radiação no sistema Terra-Atmosfera; Os ciclos globais da água e do carbono e suas alterações pela ação do homem. Aspectos físicos científicos do sistema climático e das mudanças climáticas. Cenários. Modelos numéricos de previsão de tempo e clima. Uso de satélites. Impactos das mudanças climáticas e Vulnerabilidade dos sistemas naturais e socioeconômicos. Processos de Mitigação. Água, biodiversidade, consequências negativas e positivas e adaptação às mudanças climáticas. Protocolo de Quioto, IPCC, COP-15, Mudanças climáticas e o Brasil: sociedade e economia.

12.    PROJETOS AMBIENTAIS
Metodologias de projetos ambientais. Planejamento de projeto. Estrutura de projeto. Localização e implantação. Estudo de caso de projeto de tecnologia e engenharia ambiental. Análise econômica de projetos. Patentes, royalties e know-how. Gestão de projetos ambientais. Laboratório de Projeto ambiental. Diretrizes para implantação do projeto ambiental.

13.    ANÁLISE ESPACIAL
A Ciência da Informação Geográfica. Sistemas de Informação Geográfica. Componentes Fundamentais da Análise Espacial. Tipos de Análise Espacial. Modelagem Preditiva Geoespacial. Análise Geomorfológica. Análise de Superfícies. Análise de Proximidade. Análise de Padrões Espaciais. Análise de Grupamentos Espaciais. Análise Geoestatística. Análise de Adequabilidade. Análise de Localização.

14.    TÓPICOS ESPECIAIS I
Discussão e apresentação de assuntos de interesse relevantes e específicos relacionados com as Ciências Ambientais, que não são oferecidas ou tratadas em profundidade nas disciplinas regularmente oferecidas pelo curso. Os tópicos serão oferecidos por iniciativa dos professores responsáveis e parte pelos mestrandos. Os conteúdos serão divulgados no semestre precedente àquele em que serão ministrados.

15.    TOXICOLOGIA AMBIENTAL
Conceitos gerais. Regulação anisosmótica do fluído extracelular. Regulação isosmótica do fluído intracelular. Controle neuro-endócrino da iono e da osmo-regulação. Efeitos Fisiológicos da Poluição: Noções de tóxicos e toxicologia. Tipos de contaminação. Efeitos gerais de poluentes. Testes toxicológicos. Classificação dos poluentes. Efeitos fisiológicos da poluição orgânica, da eutrofização, da acidificação, de óleos, de metais pesados e de pesticidas. Interações entre fatores abióticos e os poluentes. Mecanismos de toxicidade de diferentes tipos de compostos em organismos aquáticos, dando ênfase na análise e discussão de trabalhos recentes publicados em revistas especializadas da área.

16.    ECONOMIA E GESTÃO AMBIENTAL
Os problemas ambientais e a Economia. Os principais paradigmas de gestão ambiental e desenvolvimento. Abordagens econômicas sobre o meio ambiente. A questão do valor do meio ambiente e da avaliação ambiental. Instrumentos de política, gestão e controle ambiental. Meio ambiente e comércio internacional. Tendências da questão ambiental no ambiente empresarial. Gestão Ambiental no contexto empresarial.

17.    AVALIAÇÃO AMBIENTAL DE PRODUTOS
Conceito de ciclo de vida. Histórico da avaliação do ciclo de vida no Mundo e no Brasil. Avaliação do Ciclo de Vida (ACV). As fases de ACV. Objetivo e Escopo em ACV. Inventário de dados em ACV. Avaliação de impacto em ACV. Análise de Sensibilidade. Análise de Incertezas. ACV atribucional e consequencial. Softwares. Métodos de contabilização de recursos ambientais. Indicadores e índices ambientais. Estudos de caso. Certificações ambientais de produtos. Lacunas científicas em ACV.

18.     SOLOS E MEIO AMBIENTE
Processos envolvidos na formação do solo. Relações do solo com as águas superficiais e subterrâneas, com as rochas e com o clima. A formação dos ecossistemas. As funções naturais do solo. O solo como armazenador e reciclador de substâncias indesejáveis. Degradação do solo. Consequências da degradação do solo na sua capacidade de realizar as funções naturais. A importância do solo no ciclo hidrológico. A fragilidade do solo diante de alguns processos hidrológicos. A erosão hídrica do solo e os fatores que a influenciam. Consequências ambientais das perdas de solo e água e de espécies químicas pela erosão hídrica do solo, no local de origem e fora do local de origem da erosão. Assoreamento e eutrofização de águas de superfície em função da erosão hídrica.

19.    AVALIAÇÃO DE IMPACTO AMBIENTAL E PASSIVOS AMBIENTAIS
Histórico da avaliação de impactos ambientais. O papel do Estado na avaliação de impactos ambientais. Técnicas de identificação e valoração de impactos. Vantagens e problemas dos diferentes métodos. Técnicas específicas para avaliação de impactos no meio ambiente. Conceitos de análise, previsão e valoração de impactos ambientais. Ordenamento jurídico.

20.    LEGISLAÇÃO AMBIENTAL
Histórico da legislação ambiental. Noções de Direito público e de Lei. Competência constitucional da União, Distrito Federal, estados e municípios. Caracterização legal do meio ambiente, recursos naturais e poluição. Quadro legal e institucional do meio ambiente no Brasil. Instrumentos de Política Nacional de Meio Ambiente. Proteção da zona costeira. Trâmite e prática legal. Medidas jurídicas de proteção ao meio ambiente. Responsabilidade penal por danos ambientais.

21.    AUDITORIA E CERTIFICAÇÃO AMBIENTAL
Visão histórica da gestão ambiental: as empresas e o meio ambiente. Modelos de gestão ambiental. O papel do profissional no atual contexto ambiental - organizacional. Normas internacionais de gestão ambiental e a série ISO 14000. O Sistema de Gestão Ambiental segundo a norma ISO 14001. Auditoria e certificação ambiental. Integração dos sistemas de gestão.

22.    BIORREMEDIAÇÃO
Conceito e histórico da Biorremediação. Metabolismo microbiano e biodegradabilidade de compostos orgânicos. Biorremediação de solos (in situ e ex situ). Biorremediação de águas (in situ e ex situ). Biossorção de poluentes orgânicos. Lixiviação microbiana. Metodologia de isolamento e caracterização de espécies microbianas biodegradadoras. Metodologia de acompanhamento de reações de biodegradação. Tecnologia enzimática aplicada à biorremediação. Estudo de casos.

23.    MONITORAMENTO AMBIENTAL
Técnicas de amostragem (líquidos, sólidos e gases). Parâmetros envolvidos no monitoramento e controle ambiental (seleção de técnicas, equipamentos, limites de leitura, interferentes). Indicadores e índices de qualidade ambiental. Legislação ambiental. Normatizações. Elaboração de planos de monitoramento. Redes de monitoramento.

24.    TÓPICOS ESPECIAIS II
Discussão e apresentação de assuntos de interesse relevantes e específicos relacionados com as Ciências Ambientais, que não são oferecidas ou tratadas em profundidade nas disciplinas regularmente oferecidas pelo curso. Os tópicos serão oferecidos por iniciativa dos professores responsáveis e parte pelos mestrandos. Os conteúdos serão divulgados no semestre precedente àquele em que serão ministrados.

 
Centro de Ciências Agroveterinárias - CAV / Av. Luiz de Camões, 2090 - Conta Dinheiro - Lages - SC
CEP: 88.520-000 / Telefone: (49) 3289-9100